red blog

06.DEZ.2018

Quais são as influências das redes sociais em nosso cotidiano?

Quais são as influências das redes sociais em nosso cotidiano?

Por: Everton Lopes

 

De forma rápida e fácil podemos observar as diversas mudanças ocorridas após o surgimento das redes sociais. E elas vão desde o comportamento das pessoas até a forma como elas se enxergam.

Então, já que podemos constatar o fato de que houveram diversas transformações nos hábitos e no dia a dia das pessoas, resolvemos elencar quais são as principais e como isso nos afeta.

 

Identidade

Por incrível que pareça, até mesmo a identidade das pessoas sofreu uma transformação nesse período. Antes, precisávamos manter a mesma identidade em todas as situações. Hoje, em cada rede social podemos (e até somos incentivados) a manter um perfil diferente, com linguagem e finalidades diferentes.

Além disso, fazer parte de uma rede social virtual se tornou uma nova forma de identidade nos locais físicos. Pessoas formam opiniões sobre outras de acordo com as redes em que elas estão inseridas ou das quais não fazem parte.

 

Exposição

Outra diferença é a exposição da qual todos estão sujeitos, mas que algumas pessoas se arriscam mais, seja através de fotos ou textos.

Alguns usuários ofendem outros nas redes, compartilham conteúdo impróprio, espalham notícias falsas e podem responder criminalmente ou até mesmo através de ataques físicos e verbais.

 

Uso de smartphones

Uma das ferramentas mais comuns de acesso das redes sociais são os smartphones e hoje eles praticamente se tornaram parte ou uma extensão do nosso corpo.

Essa característica é ao mesmo tempo uma vantagem e uma desvantagem. Uma vantagem ao facilitar o acesso a essas informações e uma desvantagem por incentivar a dependência constante desses dispositivos.

 

Negócios

A forma de fazer negócios também foi alterada na era das redes sociais. Hoje algumas delas (especialmente o Facebook) já possuem espaços específicos para o comércio e a veiculação de anúncios e propagandas.

Talvez, exatamente por isso, o comportamento do consumidor tenha mudado, fazendo com que cada vez mais ele pesquise as redes sociais de todas as empresas que oferecem o produto ou serviço que ele precise.

Dessa forma, as empresas têm reagido com ações mais efetivas e sólidas nas redes, tanto para gerenciamento de crises quanto como forma de fechar novos negócios.

 

Eventos

Os eventos também tiveram uma grande quantidade de mudanças desde a explosão das redes sociais.

Anteriormente era necessário ligar para reservar lugares ou ir até algum local físico para comprar ingressos, mas hoje essa situação é completamente diferente.

Os internautas confirmam presença nas redes sociais, podem comprar ingressos por lá, participam de promoções e podem até se tornar membros efetivos de alguns eventos através de campanhas criadas especificamente para esses canais.

Há ainda eventos criados única e exclusivamente para os usuários do Facebook com conteúdo de humor para que pessoas interajam entre si, sem necessariamente acontecer um evento presencial.

 

Network

Na última edição do RD Summit, a consultora do LinkedIn, Suelen Marcolino, afirmou que a ideia das relações nas redes sociais é que as pessoas procurem a diversidade em suas relações interpessoais.

Sendo assim, enquanto nas relações reais procuramos nos envolver com pessoas parecidas conosco em termos de classe social, sexo, religião, orientação sexual, raça ou gostos pessoais, nas redes sociais, cada vez mais ocorrem relações e networks diversos, o que contribui para o aprendizado e o aprofundamento da visão de mundo de todos.

Galeria de Fotos

Veja também