red blog

18.OUT.2018

A importância da comunicação na liderança

A importância da comunicação na liderança

Estamos em meio a uma corrida eleitoral, em que os brasileiros escolhem quais serão seus representantes políticos pelos próximos quatro anos. Nesse contexto, não são raras as vezes em que a palavra “líder” aparece nos discursos e na mídia, não é verdade?

 

Ser um político não é, necessariamente, sinônimo de ser um líder; mas ser um líder, nesse contexto eleitoral, pode fazer toda a diferença para conseguir ou não o voto dos eleitores.

A liderança, no entanto, não está restrita apenas ao cenário político. Aliás, ela se estende nos mais diversos setores da sociedade, como, por exemplo, numa empresa ou quaisquer outros tipos de organização.

Para ser um bom líder, do que é preciso? A comunicação está relacionada à liderança? Qual é o caminho para tornar-se um grande líder? Posso ser um bom líder se não tenho aprimoradas minhas habilidades de oratória?

Na nossa conversa de hoje, vamos falar sobre tudo isso, para entender qual é a importância da comunicação na liderança. Vejam!

 

Qual é a relação entre liderança e boa comunicação?

Dentro do âmbito corporativo, político ou ideológico, ser um líder é, resumidamente, influenciar as pessoas em relação a algum tipo de conduta ou pensamento. É, em outras palavras, impactar positivamente os demais, de modo que as ações e opiniões de um líder terão consequências reais e diretas sobre seus liderados.

Ter a possibilidade de realmente inspirar um grupo de pessoas é algo fantástico. Do ponto de vista administrativo, é a chave para que um grupo de trabalho tenha sucesso naquilo que empreende, de forma que os colaboradores passem a atuar pensando na coletividade – e não apenas em suas demandas individuais.

A comunicação de um líder é, realmente, a chave para que ele exerça essa liderança. Afinal, não existe outro modo de influenciar as pessoas que não passe obrigatoriamente pela comunicação entre elas.

Um líder é alguém que tem excelente capacidade para se comunicar com os demais e sabe como utilizar as estratégias comunicacionais a seu favor. Além de falar de um modo interessante e assertivo, alguém com liderança sabe como gesticular e modular a própria voz, para que tanto aspectos verbais quanto não-verbais estejam em harmonia.

 

Quais são as características de um líder em relação à comunicação?

 

- Confiança em si mesmo e no que diz

Para despertar a confiança nas pessoas (e, assim, impactá-las positivamente), é preciso, antes de mais nada, ter confiança em si mesmo, nos argumentos e opiniões que se defende.

A audiência identifica rapidamente se uma pessoa é ou não confiante e, a partir disso, traça conclusões sobre se esse alguém é ou não confiável. Por tudo isso, um líder consegue driblar o nervosismo e ansiedade para transmitir segurança ao falar.

Para que seja possível, é fundamental ter, de fato, conhecimento sobre o que se diz, além da prática de falar em público ou em outros tipos de situações de exposição de fala.

 

- Saber usar a emoção de forma inteligente

A fala de um líder tem, sim, alto saber técnico, vindo de um know-how de alguma área específica. No entanto, ela também é carregada de emoção, já que as pessoas se conectam muito mais quando sentem empatia pelo que está sendo dito.

Adotar a máscara da neutralidade, mantendo a mesma expressão facial todo o tempo, não é uma postura de um líder. Ao contrário, alguém com liderança mostra suas emoções quando for viável e transmite que realmente se importa com aquilo que diz e defende.

Muitos especialistas em comunicação colocam o “falar com paixão” entre os principais pilares para uma boa apresentação em público ou um bom discurso. Mostrar que realmente nos importamos é um cuidado importante para exercer liderança.

 

- Manter bom relacionamento e espírito de equipe

O líder, para influenciar positivamente um grupo de pessoas e incitar mudanças benéficas, precisa, antes de tudo, impulsionar o espírito de equipe. E isso só é possível se esse líder mantiver, em si mesmo, o espírito coletivo, capaz que trabalhar em grupo pensando no bem comum.

É fundamental entender, Speakers, que, há muito tempo, a ideia de “chefia” vem sendo substituída pela ideia de “liderança”, alterando uma relação antes vertical (onde só um fala e manda; enquanto outro obedece) e dinamizando as relações interpessoais dentro de uma empresa ou outra organização.

Sobre a importância da comunicação interna na liderança, eu poderia escrever muito mais, mas penso que, com tudo o que vimos aqui, já deu para ter uma ideia clara de que a comunicação é mesmo fundamental para que alguém exerça ou não um papel de líder, não é?

 

Via: The Speaker

www.thespeaker.com.br

Veja também